Málaga

Na Espanha, em Andaluzia, Málaga é uma cidade encantadora, assim como seus vinhos.
 

Commandaria

Esse é um vinho de sobremesa com um sabor tão rico quanto sua história: dizem que Commandaria é o vinho mais antigo que existe, ainda em produção!
 

Lavaux

Às margens do lago de Genebra, na Suíça, são cultivadas as vinhas dessa denominação de origem. Sejamos sinceros: isso sim é que é origem...
 

Alsace

Começando pelo começo do assunto, a letra “S” de Alsace é pronunciada como “Z”, por mais que isso inicialmente pareça estranho...
 

Taurasi

Taurasi fica a 1 hora, de carro, de Nápoles. Essa comuna italiana, no sul do país, tem algo em torno de 2.750 habitantes, apenas. Mas é responsável por vinhos impressionantes.
 

Hermitage

Quando o assunto é terroir de renome, Hermitage é uma das denominações de origem que mais se enquadram no tema.
 

Campo de Borja

Primeiro, a pronúncia, depois a região e o vinho... Diga Campo de Bor-rra, e estará pronunciando como o fazem os espanhois.
 

Ribera del Duero

Essa é uma denominação de origem relativamente nova, porém histórica ao mesmo tempo.
 

Vale do Maipo

Essa é a área vinícola mais próxima de Santiago, capital do Chile, localizada na bacia hidrográfica do Rio Maipo.
 

Priorat

Na Espanha, na comunidade autônoma da Catalunha, encontramos uma província chamada Tarragona. No coração desta província fica uma pequena região montanhosa, de onde vêm os vinhos denominados Priorat, ou Priorato.
 
No sul da França, Roussillon é a região mais ensolarada de todo o país. E também um lugar de vinhos memoráveis, onde a história do cultivo da uva e da produção do vinho remonta a milhares de anos. 
 

Côtes de Provence

Esse é um dos nomes mais charmosos do mundo do vinho. Destino de hoje? Provence!
 

Valdepeñas

A localização? No sul da comunidade autônoma de Castilla-La Mancha, que fica no centro da Espanha.
 

Languedoc

No Sul da França são produzidos alguns dos melhores vinhos do mundo. Muitos deles na região de Languedoc Roussillon. E são muitas as denominações de origem... Languedoc é a mais famosa delas!
 

Constantia

Na África do Sul, essa região produz vinhos realmente incríveis, muitos deles premiados internacionalmente.
 
Essa é mais uma denominação de origem da Toscana. Um lugar de vinhos apaixonantes.
 

Venezia

Estranho pensar em vinhos produzidos em Veneza, não é mesmo? É que sempre que falamos em Veneza, pensamos logo em suas gôndolas...
 

Ribeira Sacra

Um local onde a montanha se impõe sobre a costa. Um dos tesouros da Península Ibérica. Uma denominação de grandes vinhos. Seja bem-vindo, a Ribeira Sacra, na espanhola Galícia!
 

Rías Baixas

A história dessa denominação é interessante. A começar pelo nome...
 

Vin Santo

Essa especialidade italiana não é exatamente uma denominação de origem, mas também não deixa de ser. Entenda o porquê!
 

Pfalz

Pfalz, ou em português, Palatinado, é uma região no sudoeste da Alemanha, famosa por seus vinhos.
 

Algarve

Algarve é a região vinícola mais ao sul de Portugal. Nos rótulos de vinhos portugueses, Algarve é uma Indicação Geográfica Protegida.
 

Carcavelos

Uma denominação de origem de vinhos raros. E, também por isso, ainda mais interessantes.
 

Crémant de Loire

Nem só de Champagne vive o espumante francês. Você já degustou um Crémant de Loire?
 

Fiano de Avellino

Essa é uma denominação classificada desde 2003 como DOCG, Denominação de Origem Controlada e Garantida, o mais alto status de um vinho na Itália. 
 

Colchagua

Se esse nome é novidade para você, saiba que essa é uma localidade chilena, de vinhedos centenários! Que tal, então, conhecê-la?
 

Valdeorras

Noroeste da Espanha. Comunidade autônoma da Galícia. Província de Ourense. Seja bem-vindo à Comarca de Valdeorras! Aceita um vinho?
 

Condrieu

Os vinhedos denominados Condrieu situam-se no Vale do Rhône, na margem direita do rio, a cerca de 40 km ao sul de Lyon, na França.
 

Montefalco

Na Umbria, bem no centro da Itália, é onde são produzidos os vinhos denominados Montefalco, e Montefalco Sagrantino. Mais italianos, impossível.
 

Manchuela

Manchuela sempre foi um terroir distinto de vinhos, na Espanha. Mas o reconhecimento oficial, como uma denominação de origem, veio somente no ano 2000.